Seguidores

domingo, 22 de outubro de 2017

NÃO ROTULE, NEM JUGUE, OLHE PARA JESUS

NÃO ROTULE, NEM JUGUE, OLHE PARA JESUS
Josué 2. 2: Foram, pois, e entraram
na casa de uma mulher prostituta, cujo nome era Raabe, e dormiram ali.  
Introdução:   Significado do nome Raabe:  Abundante fé. Raabe viveu em
Jericó por volta do ano 1410 a.C. Apesar de ser prostituta, Raabe era uma
mulher bem informada, ela sabia sobre as maravilhas que Deus tinha operado na
vida do povo de Deus na travessia do deserto e sabia também que ninguém poderia
deter esse povo. A sua fé, levou ela tomar uma atitude ousada com risco de sua própria
vida, escondendo os espias que Josué tinha enviado para espiar a terra e
estavam sendo procurados pela policia de Jericó e essa atitude garantiu-lhe a
salvação dela e de sua casa. Aleluia!
Mas apesar do feito de Raabe e dela
ter-se casado com um príncipe hebreu de Nome Salmom e fazer parte da genealogia
de Jesus, porque ela gerou a Boaz, que com Rute gerou a Obede e Obede gerou a
Jessé e Jessé ao rei Davi. Até hoje continua sendo chamada de Raabe a
prostituta e não a ex. que pela fé e ousadia conquistou a salvação. O povo não
esquece o rótulo maligno que foi colocado sobre a pessoa mesmo depois de
convertida. Mas quando Deus perdoa ele esquece e lança o pecado no mar do
esquecimento. Aleluia! Glorificado seja o nome do Senhor.
Lucas 23:42,43: E disse a Jesus:
Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. E disse-lhe Jesus: Em
verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso. O primeiro membro da Igreja
cristã, salvo por Jesus, até hoje, leva o rótulo de Ladrão. Note que o ladrão
crucificado ao lado de Jesus, passou adiante dos apóstolos que andavam com
Jesus e ganhou a salvação, o paraíso antes de todos. Mas ainda hoje é conhecido
como bom ladrão, se bem que a tradição o canonizou como São Dimas.
O "bom
ladrão" pela fé, ele repreendeu seu companheiro de nome Gestas, reconheceu
seu erro, creu em Jesus e teve seus pecados perdoados na cruz não foi batizado
nem precisou passar pela purificação no purgatório da tradição. Jesus morreu e
desceu aos infernos venceu o diabo e a morte e abriu a porta do céu para os que
nele creem, entrar. Aleluia!
Atos 9.10-15: Ananias, recebeu de
Deus uma ordem para ir orar por Paulo recém convertido e contestou:
Senhor, a
muitos ouvi acerca deste homem, quantos males tem feito aos teus santos em
Jerusalém.
 Disse-lhe,
porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o
meu nome diante dos gentios, e dos reis e dos filhos de Israel. O Senhor nosso
Deus, quando nos escolheu estávamos como um vaso quebrado cheios de erros,
cheios de pecados mas ele nos amassou e nos moldou e fez de cada um de nos um
vaso novo. Jeremias.
18:6: Não poderei eu fazer de vós como fez este
oleiro, ó casa de Israel? diz o Senhor. Eis que, como o barro na mão do oleiro,
assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel.  Todos nos somos vasos nas mãos do oleiro, para
sermos amoldados como vasos novos. Aleluia!
CONCLUSÃO: Não temos
o direito de apontarmos o dedo para o passado de ninguém, porque da mesma
maneira que julgarmos os outros seremos julgados. Todos nos erramos e
dependemos da misericórdia do Senhor pera sermos consertados, cada um de nós temos
que olhar pela nossa própria vida e pedirmos perdão pelos nossos pecados. Sabendo
que se não perdoarmos também não seremos perdoados. Rm 9:15: Pois diz a Moisés:
Compadecer-me-ei de quem me compadecer, e terei misericórdia de quem eu tiver
misericórdia. Êx. 33:19: Porém ele disse: Eu farei passar toda a minha bondade
por diante de ti, e proclamarei o nome do Senhor diante de ti; e terei
misericórdia de quem eu tiver misericórdia, e me compadecerei de quem eu me
compadecer.   Em Mt. 18:23-35 temos uma
parábola muito simples gerada pela pergunta de Pedro sobre quantas vezes
devemos perdoar. Jesus contou a parábola do servo que não mostrou misericórdia.
Que nos dá três lições importantes: 1ª A nossa divida era impagável, Jesus
pagou por nós com seu sangue. 2ª As dividas dos outros para conosco, não se
comparam ao que devíamos., mas Deus perdoou. 3ª Se não perdoarmos, não seremos
perdoados. Mt.6.12,14,15. Antes de apontarmos o dedo para nosso irmão
semelhante vamos olhar para Jesus e glorificarmos a Deus. Aleluia!
Fonte:  Reunião se Obreiros. 22/10/17. I.P. Missão Profética.

Nenhum comentário:

Postar um comentário